O que Fazemos
Apoio à Evidência Científica » EuroSupport6

O projeto Eurosupport 6 é financiado pela Comissão Europeia e foi iniciado, orientado e coordenado pelo Instituto de Medicina Tropical da Antuérpia pelo Prof. Dr. Robert Colebunders. Foi iniciado em 1996 e já mais de 15 centros europeus de tratamento para o VIH de diferentes países da Europa participaram neste estudo, inclusive Portugal através do Instituto de Higiene e Medicina Tropical. O principal parceiro deste projeto é a SENSOA, uma organização flamenga, especialista na saúde sexual e na infeção pelo VIH. A SENSOA tem como objetivo melhorar a saúde sexual com particular atenção para a qualidade de vida das pessoas que vivem com o VIH e/ou com SIDA.

Em Portugal a SER+, a POSITIVO e o GAT foram co-parceiros do projeto Eurosupport 6 que tem como objetivo melhorar a saúde sexual e reprodutiva das pessoas que vivem com o VIH capacitando os técnicos na área do aconselhamento sexual e saúde reprodutiva contribuindo, portanto para a redução de novas infeções. A Prevenção Positiva (prevenção para e através das pessoas que vivem com o VIH) é uma importante estratégia para conseguir alcançar este objetivo.

Desde o primeiro projeto do EUROSUPPORT em 1996, que a filosofia original do mesmo tem sofrido alterações pois pretendeu acompanhar as necessidades das pessoas que vivem com o VIH e em arranjar soluções rápidas ao acesso aos cuidados médicos e ao apoio psicológico. A progressão da infeção pelo VIH e as opções aos vários regimes terapêuticos tem sofrido alterações continuamente e isso trás desafios clínicos e psicológicos. Além disso, as necessidades das pessoas afetadas também mudaram. Os cuidadores informais têm vindo a sentir o desafio em responder adequada e rapidamente as estas necessidades. Esta rede pretende apoiá-los nesta tarefa fornecendo conhecimento atualizado e leva-os a fazer uma introspeção no que há mais recente sobre a infeção pelo VIH.

O Eurosupport 6, focou-se no desenvolvimento de formações e na elaboração de um pacote de recursos e treino, que se traduziu na criação de uma série de vídeos onde se relata experiências positivas sobre a prática de fazer sexo seguro e em (4) manuais de implementação, de referência, de intervenção e de formação. Em Antuérpia, realizou-se em Fevereiro de 2013, uma reunião onde foram apresentados os resultados do estudo e foi dado uma formação aos presentes de como utilizar e aplicar todo este material nas respetivas comunidades. Portugal fez-se representar pela Ana Nunes da SER+, pelo Ricardo Fernandes do GAT, pela Ana Gama e Sónia Dias do Instituto de Higiene e Medicina Tropical.

 

Equipa do projeto

 

Os materiais estão disponíveis na SER+ e a ser aplicados.

Conheça mais sobre este projeto e visite o site: www.eurosupportstudy.net

Partilhar Share to Facebook
Se reside na linha de Cascais, venha fazer o teste para o VIH na SER+

Poderá conhecer o seu estatuto serológico para o VIH, Hepatites B, C e Sífilis, nas instalações da SER+. O teste é gratuito, anónimo e confidencial.

Às 2.ª, 4.ª e 6.ª feiras de manhã, entre as 9h e as 12h30. Às 3.ª e 5.ª, à tarde, entre as 14h e as 16h30.

Não precisa de marcação. É por ordem de chegada.

Qualquer dúvida, contacte-nos para o número: 214 814 130 ou para o telemóvel: 917 553 488.

Se a sua organização trabalha com populações vulneráveis ao VIH, Hepatites víricas e outras ISTs e, se pretende distribuir preservativos gratuitamente assim como ensinar a utilizá-los correta e consistentemente, contacte-nos!
Entrega de Medicação em casa - Se for utente do Hospital de Cascais, adira. Se quer saber mais, clique aqui e peça informações.
Centro Anti-discriminação e apoio jurídico.
Legislação e Direitos das Pessoas Infetadas pelo VIH e/ou SIDA - ?O desconhecimento dos direitos e os obstáculos ao acesso aos mecanismos de resposta continuam a dificultar a acção perante práticas discriminatórias e, consequentemente, o seu combate eficaz.?
Novo espaço de atendimento às pessoas que vivem com o VIH. Maior acessibilidade e maior regularidade no acompanhamento psicossocial.